15 de jun de 2010

NOSSA POLÍTICA


Sim, fazemos política. Não podemos negar. Somos um grupo político que pretende transformar a correlação de forças atualmente existente. Mas nossa política é particular. Talvez até anti-política.

Nossa política é do movimento popular e visa convencer e mostrar ao povo que o poder lhe pertence e deve ser usado por ele e não entregue a “representantes”.

Nossa política é anti-política por lutarmos contar o Estado, que na nossa visão, é um instrumento de opressão e de desorganização do povo, independente de quem está no volante e das suas boas intenções. Nossa política baseia-se na proposta de destruição desse Estado opressor e na construção de um novo modo de governo, baseado na associação popular.

Nossa política não é representativa. Não dizemos “confiem na gente que faremos o certo”. Preferimos dizer: não somos eleitores, somos cidadãos. Façam conosco. Não concordam, façam diferente. Mas façam vocês mesmos.


Nossa política não é de heróis. Os semi-deuses e os santos existem no mundo da ilusão. E se pessoas comuns parecem-se com eles é porque alguém está sendo enganado e tem gente se “dando bem” tirando vantagem disso. Temos nossos símbolos de luta: Vicente Veloso, que não esperou um paraíso de sonhos cair do céu, mas que lutou por sua liberdade aqui na terra.

Nossa política é de convencimento, de conscientização, de formação.

Existe a política deles: de cargos, dinheiro sujo, palanques, festas, corrupção, marketing, desmando, humilhação, máfia, autoritarismo.

Não gostamos desse tipo de política.

Queremos ser a diferença.

2 comentários:

  1. Queremos e conseguimos pow, em qual outro lugar da região você consegue enxegar eleitores tão envolvidos na política como aqui (sei que a maioria não pensa em quem irá eleger, mas sim, em quanto irão lhe pagar para o elegê-lo). Porém temos uma geração nova mais consciente, mais prevenida, e espero que tenham mais responsabilidade, para que possamos lutar contra esse governo corrupto e tão sujo que é o do Uibaí!

    - Flvão ja pensou em criar alguns folhetos e distribuir isso pela região? Seus textos são bons cara! ;]

    ResponderExcluir
  2. É bom, afinal, nem todo mundo pára pra ler essas coisas na internet. Vamos fazer!

    ResponderExcluir